sexta-feira, 19 de agosto de 2016

Desapega mas apega

Vi sua foto várias vezes
Mas lembro daquele 
Conhecido bordão:
"Desapega, desapega!"

Queria uma venda para às vezes
tapar o meu olhar,
Que adora essa doce ilusão:
Apega, apega.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário