segunda-feira, 1 de agosto de 2016

De baunilha que não é

Qual o cheiro
Da essência
De ausência?

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário