sábado, 27 de agosto de 2016

10 p/ 6

O dia pode ter sido bom,
Mas se chega a tardinha,
Não há qualquer som
Que alegre vida minha.

É esse escuro vazio
Aqui dentro de mim
Onde só habita o frio
Que nunca terá fim.

Fabiano Favretto

2 comentários:

  1. Seus versos me lembram minha mãe, ela sempre fica um pouco deprimida ao final do dia, ela fala que o entardecer é melancólico.
    Um abraço o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por compartilhar isso comigo, Carolina.
      Acho as tardes bonitas e dramáticas, e sim,
      melancólicas, inclusive.
      É a saída da luz para que a noite faça o segundo ato.

      Abraços,
      Fabiano Favretto

      Excluir