domingo, 4 de setembro de 2016

Marcha ilógica

Nem as luzes que passam,
Nem a chuva que ainda cai
O meu ânimo melhoram.
Mais uma vez a alegria se vai.

Nem um bom blues ajuda
E nem um bom Jazz colabora
Para que em mim haja melhora
Neste humor que não muda.

Pode ser longa ou breve
Essa viagem bucólica,
E meu coração não se atreve

A parar marcha melancólica
Que meu punho escreve
Nesta folha triste, ilógica.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário