sábado, 7 de fevereiro de 2015

Venceu

O amor tem sido engraçado
Nas batidas roucas e loucas,
Deste peito frio que é meu.

Tem feito-me um desgraçado
Dono de saudades poucas
Daquela que meu amor esqueceu.

O amor tem sido fugaz, também.
Não tem parado nesta estrada
Deste coração tolo que é meu.

Tem feito proezas, porém
Nas tangentes e encruzilhadas:
Há um tempo uma corrida venceu.

Fabiano Favretto

4 comentários:

  1. Não sempre, mas na maioria das vezes, ele vence \o ;)
    Que lindo, Fabiano!

    Beijoo'o ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas existem estradas que não tem fim;
      É uma corrida eterna.

      Bjs

      Excluir
  2. Respostas
    1. Estou sempre na torcida.
      Espero que ele sempre veja
      A bandeira quadriculada.

      Beijos

      Excluir