terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Apague as velas.

Há 22 primaveras em que sou eu mesmo.
Há quase 8030 dias estou vivendo.
Há tanto tempo passado, que já não me lembro
Se os dias passados ainda estão valendo.

Eu faria diferente, tudo o que ainda não fiz.
Eu faria tudo melhor para talvez ser feliz.

Há tanta coisa por vir, mas sinto-me velho.
Há tanto lugar para eu ir, mas eu não quero.
Há tanta coisa a consertar mas deixo assim;
Às vezes seria melhor que chegasse tudo ao fim.

Eu seria mais coerente com a minha vida.
Eu seria melhor se estivesse de partida.

Fabiano Favretto

2 comentários:

  1. O momento em que a gente se identifica com o que o outro escreveu! Poisé!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Às vezes também leio textos alheios que me servem como uma luva.
      Fico feliz que tenha se identificado. Pena ter sido um texto um tanto
      quanto triste. Obrigada pela viisita ^^

      Beijos

      Excluir