domingo, 6 de dezembro de 2015

Você:

A primeira a ver
O meu duro rancor;
E depois converter
Esta triste dor,
Para assim haver
O mais puro amor.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário