segunda-feira, 13 de julho de 2015

Penso

Eu, antes cor,
Agora existo.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário