domingo, 19 de outubro de 2014

Mais alguns textinhos de meu pai (:

Aqui alguns textos de meu pai:

Estávamos sozinhos. Pensei em tomarmos
Uma taça de vinho.
Mas por que vinho,
Se eles são tintos, brancos ou rosê?
Não importa!
Desisti de entender, servi duas taças de vinho:
Uma para mim e outra para você.

Sergio Luiz Favretto


E mais esse:

Vi lindas rosas quando olhei pela janela.
Mas por que rosas, se elas são vermelhas,
Brancas e amarelas?
Não importa. Colhi para você, das rosas,
A mais bela.

Sergio Luiz Favretto


Agradeço novamente a meu querido pai, por permitir postar seus textos aqui em meu espaço.

2 comentários:

  1. Então já sabemos a quem saiu todo esse teu talento, Fabiano ;))

    Beijoo'o
    flores-na-cabeca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Meu pai é muito inteligente. Quando eu crescer quero ser igual a ele.

    Beijos

    ResponderExcluir