quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Do contra

Escolhi ser certinho
Só para ser do contra,
Porque da bagunça em mim
Já não dou mais conta.

Se do contra é ser certo,
É preciso dupla transgressão:
Ter que bancar o esperto
Seguindo o coração.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário