quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Cabresto triste

Elegeu,
Tanto fazia.
Se corrompeu
Elegia.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário