segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Blues

Escutando esse Blues,
O nosso Blues,
Eu lembro de tudo aquilo
 Que não vivemos.

Lembro de quando
Não dançamos à luz da lua,
Ou quando não tomamos
Vinho à luz de velas.

Mas era lindo nosso Blues:
Romântico e sedutor.
Não o cantamos,
Nem sequer uma estrofe.

Lembra quando
Passeávamos pelo trilho do trem?
Talvez não se lembre,
Mas estava tocando nosso Blues.

Como estão seus olhos?
Olhando para o horizonte?
Como estão seus ouvidos?
Distantes do nosso Blues?

Nosso Blues:
Doce e singelo Blues!
Retorne a mim
Que cantarei a você.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário