segunda-feira, 4 de junho de 2018

Este é um deles

Alguns poemas meus
São carne moída:
Servem somente
Para eu encher linguiça.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário