segunda-feira, 18 de abril de 2016

Ponto sem nó

Num novelo de lã
Se esconde todo
O segredo do universo;
Expande-se na linha
Imaginária,
Inimagináveis formas
Tricotáveis e momentos
A serem trabalhados.
O novelo de lã da vida
Desenrola-se
A fim de dar forma
Ao que chamamos
De dia - Pontos
Cuja beleza depende
Da paciência para
Tricotá-los.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário