domingo, 13 de agosto de 2017

Saudade

Tão lenta
E tão violenta.
Tão devagar
E tão de matar.
Saudade.

Fabiano Favretto

Nenhum comentário:

Postar um comentário